Month: junho 2015

  26/06
 

A estação mais fria do ano já chegou. O inverno é visto pela maioria como a época mais elegante do ano. Com as altas temperaturas do verão brasileiro, muitas vezes acaba sendo difícil montar um look bonito. Já durante o outono/inverno, podemos brincar com lenços e echarpes, casacos, ponchos, e é claro, muitas sobreposições. Talvez não seja o caso do restante do país, mas no Sul o que seria bom acaba se tornando um problema. O frio é tanto que você obrigatoriamente prioriza o conforto e muitas vezes esquece o lado fashion de tudo – eu já fiz isso várias vezes. Então, aqui vai uma dica para os dias frios: casaco de pele! Fake, é claro.

CASACO DE PELE - VLIFESTYLE

Não vamos falar sobre ocasiões especiais, como casamentos, formaturas e jantares de gala. O nosso foco hoje é produções do dia a dia usando essa tendência tão confortável que é o casaco de pele sintética. Atualmente, há opções com diversas cores e estampas, disputando espaço nas vitrines das lojas – e nos corações da mulherada. Essas versões mais cool estão super em alta. Mas é óbvio que as cores clássicas como preto, marrom e caramelo continuam fazendo sucesso absoluto e são mais fáceis de combinar.

Por mais incrível que possa parecer, esses casacos são bem versáteis. Ficam lindos com calças jeans, de couro, e até mesmo alfaiataria (porém, nesse último caso fica bem mais formal). Também podemos usar com saias e vestidos, deixando o visual super romântico e feminino.

As ocasiões nas quais os casacos de pele são bem-vindos são inúmeras. Jantares, passeios e trabalho são algumas delas. Vale ressaltar que, caso você trabalhe num ambiente que exija certa formalidade, opte por cores sóbrias e menos volumosas.

Infelizmente, por ser um peça com bastante volume, ela pode engordar. Mas nem por isso só as magras podem usar. Escolha opções de peles menos voluptuosas, mais fininhas. Além disso, peças mais longas podem ser uma boa ideia. Também combine com peças mais justas e de cores neutras por baixo do casaco. E por fim, se puder usar um colar mais longo, que traga a sensação de uma silhueta mais fina e longa, seria perfeito.

Casaco de pele - Inspirações - VLIFESTYLE







  25/06
 

Caso você não tenha o hábito de usar maquiagem diariamente, você não está errada – muito menos sozinha. Aqui no blog a única regra é não ter regras, apenas dicas. Você nunca deve sentir-se obrigada a alguma coisa quando o assunto é moda e beleza. Partindo desse ponto, aceitação é algo básico. Olheiras são bonitas? Não. Manchas de sol são bonitas? Não. Espinhas são bonitas? Nem um pouco. Mas isso não significa que você deva ter vergonha de você.

maquiagem do dia a dia para iniciantes - VLIFESTYLE-down

Se é normal ter imperfeições na pele, porque existe maquiagem? Para usar quando você está com vontade. Isso pode ser em alguma ocasião especial, ou quando você simplesmente acordou inspirada, ou porque você está se sentindo desconfortável com alguma coisa – isso pode ser uma das imperfeições citadas, ou algo na sua vida particular e/ou profissional. Nosso cérebro é sacana! Quando nos sentimos mais bonitas, ficamos mais confiantes para resolver algumas pendências e nosso humor melhora nitidamente. Uma verdadeira massagem na auto-estima.

Não costumo usar maquiagem. Como posso começar? Depende do motivo que você quer passar a usar make. Não gosta das olheiras? Inicie usando um corretivo leve na região dos olhos. Está se achando sem vida, desanimada? Aplique um lip balm com cor nos lábios e blush levemente rosado nas bochechas. Disfarçar a cara de cansaço? Lápis bege na linha d’agua e bastante rímel nos cílios superiores e um pouco nos cílios inferiores. São dicas simples, com produtos encontrados em qualquer farmácia e que custam pouco. E que podem fazer uma bela diferença em quem está começando, sem deixar com cara de maquiada.

Maquio todos os dia. Como posso atualizar minha maquiagem do dia a dia? Já fiz post falando sobre isso aqui. Mas aqui vão três dicas. Para os dias mais alegres e ativos, um belo batom colorido. Sempre indico tons de rosa para quem está começando a se aventurar no universo dos batons vibrantes, pois é mais fácil para se adaptar. Para os dias que você quer ficar sexy, sem perder a elegância, sombra marrom. Aplique com um pincel durinho e de corte reto rente aos cílios superiores e inferiores (na parte de baixo, aplique pouco produto e só até a metade do olho). E para os dias com ar de romance, varie a cor do blush. Você não é obrigada a ter mais de uma cor de blush. Se já achou a sua cor ideal, vai na fé e insiste nela. Porém, para as mais chegadas em maquiagem, um tom terroso, um rosado e um pêssego são ótimos para dar uma variada e trazer um ar novo, porém sútil, na make de sempre.







  23/06
 

O Next Stop de hoje está sensacional. A jornalista Luiza Lorentz contou pra gente sobre sua viagem pela Suíça. Já aviso que tem dicas excelentes para quem está pensando em desbravar esse pequeno país europeu.

Viajar para a Suíça é sempre encantador. No meu caso é ainda mais, uma vez que minha avó nasceu lá. Até hoje, uma de suas irmãs e um de seus filhos (irmão do meu pai) ainda moram lá, o que facilita bastante a passagem pelo país. Além das paisagens mais belas que já vi na vida, tudo, para mim, remete às minhas origens, o que é muito bacana. Mas, se você não tem uma história com a Suíça, não se preocupe: é tanta coisa boa reunida em um só lugar que não tem como não se apaixonar.

Jungfrau 1 - Suíça - VLIFESTYLE

Nas duas vezes que viajei para lá, fiz roteiros diferentes. Na primeira vez passei pela Suíça no início e no fim de uma Eurotrip, com duas amigas diferentes. Na outra, a Suíça foi meu destino final, antes de retornar de férias. Meus tios moram em Fribourg, uma cidade de estilo medieval na parte da Suíça francesa. Como o país é muito pequeno, conhecer vários lugares em pouco tempo é absolutamente viável. Funcionava assim: saíamos para passear pela manhã e à noite retornávamos para casa. (Confesso que isso também facilitou a nossa vida, já que não precisamos gastar com hotéis). Para mim, o mais encantador por lá é a natureza. Uma das características da Suíça é ser banhada por diversos lagos. E, acredite, todos eles têm a água azul-esverdeada e cristalina.

Um dos roteiros fáceis para quem viaja pela primeira vez ao local é se guiar exatamente pelos lagos, pois as principais cidades ficam ao redor deles. É o caso do Lago Léman. Você pode pegar um trem até Genebra e depois, de trem ou de barco, passear por toda a costa, passando por cidades como Lausanne, Montreux e Vevey (região francesa). O transporte público funciona muito bem lá, e é possível comprar vouchers que podem ser usados tanto para trem como para barco. Mas é preciso estar preparado para colocar a mão no bolso. O transporte lá é bastante caro, assim como a comida e os hotéis. O lado bom é que o investimento é válido, uma vez que a qualidade de tudo é excepcional.

Genebra - Suíça

Genebra

Lausanne - SUÍÇA - VLIFESTYLE

Lausanne

montreux 2 - SUÍÇA - VLIFESTYLE

Montreux

Outras sugestões de lagos para visitar: Brienzersee e Thunersee (lago de Brienz e lago de Thun, na região da Suíça alemã). O primeiro não banha nenhuma grande cidade, mas a paisagem lá é ainda mais encantadora que nos demais. No roteiro que fiz, peguei um trem até a cidade de Brienz e lá passeamos de barco até a cidade de Interlaken (“entre lagos”). Ela fica localizada exatamente entre o Brinzersee e o Thunersee, e é uma região muito famosa também pelas montanhas. Depois, segui o passeio por Thun, uma cidade muito bacana. Além do lago, a cidade é muito bonita pelas ruas que lembram paisagens medievais. Há um castelo onde é possível ver a cidade toda de cima. Além disso, é lá que mora a minha tia-avó, o que tornou o passeio ainda mais encantador. Outra cidade bacana banhada pelo lago de Thun é Spiez.

brienz 3 - Suíça - VLIFESTYLE

Brienz

 

Thun 2 - vista do castelo

Thun (vista do castelo)

Spiez

Spiez

Mais uma vantagem de viajar pela Suíça: o país oferece opções turísticas de verão e de inverno. Mas, melhor do que isso: ainda é possível fazer roteiro de inverno em pleno verão! Sim! Algumas montanhas são tão altas que ficam com neve sempre. Quando viajei em julho, no verão suíço, eu e minha amiga dedicamos um dia inteiro a visitar o Jungfraujoch (naquela região de Interlaken). Esse é o ponto mais alto da Europa onde se chega de trem. É importante dedicar bastante tempo ao passeio. Além da troca de trens no meio da montanha (onde é possível ver as casas e vaquinhas bem tradicionais), também é preciso levar vários tipos de roupa, já que o frio aumenta à medida que se sobe na montanha. Chegando no destino final, são diversas as atrações: é possível esquiar, fazer trilhas e apenas caminhar em um ponto delimitado na ponta da montanha. Dentro também foi construído um museu de gelo, então tem que cuidar para não escorregar! Quando chegamos no alto da montanha, a temperatura era de aproximadamente 0ºC, em julho! E ainda conseguimos ver a neve caindo! Dica: é bom subir pela manhã, porque depois o tempo pode piorar.

Jungfrau

Jungfrau

Não vai ser possível dar todas as dicas de uma vez só. Quem sabe eu tenha a oportunidade em outro post! (vai ter sim, Lu hihi) Outras sugestões breves de locais para se visitar: Gruyères, Zurique, Lucerna, Berna (capital) e, claro, as montanhas. Uma das regiões mais bonitas é a do Grindelwald. Se você quiser ter uma experiência bem suíça mesmo, também vale a pena investir em piqueniques. As pessoas fazem muito isso ao redor dos lagos (que funcionam como “praias”) e nas montanhas também. Uma das comidas típicas e fáceis de se achar é a wurst, um tipo específico de salsicha. Na maioria dos locais já têm até churrasqueirinhas prontas para seres usadas. E de sobremesa, claro: o maravilhoso chocolate suíço, comprado em qualquer supermercado.

De resto, se você estiver na pior e não puder investir muito em passeios, não se preocupe, pois só a estadia em uma cidade já vai valer a pena. Você vai encontrar cidades extremamente limpas, onde as pessoas recebem os turistas falando francês, alemão e inglês e são extremamente gentis. Além disso, em qualquer deslocamento de um local para o outro você vai se deparar com as paisagens lindas de plantações e da “vida no campo”, onde frequentemente se encontram vaquinhas e casinhas de madeira pelo caminho. Nada mal, né?

SUÍÇA VLIFESTYLE

 







  22/06
 

Mais uma vez, não é novidade. Mas está conquistando aos poucos os corações da mulherada. Antes mesmo na invasão do normcore, algumas grifes já apresentavam roupas que lembravam pijamas em seus desfiles. O percussor? Marc Jacobs. Depois dele, com o passar do tempo, marcas como Diane Von Furstenberg, Stella McCartney, Lanvin, Emilio Pucci e Salvatore Ferragamo também desfilaram suas versões de pijamas para o dia a dia. Acha feio? Aqui vão alguns motivos que podem te fazer mudar de ideia.

Pijama - VLIFESTYLE

A primeira dúvida mais comum normalmente é: se parece pijama, mas não é, o que diferencia? Normalmente o corte, o tecido e alguns outros detalhes. As roupas inspiradas em pijamas são conjuntos com a mesma estampa, cortes geralmente retos, sem marcar o corpo, que priorizam o conforto. Olhando é igual a uma roupa de dormir, mas às vezes ela pode ter um decote mais profundo, botões mais arrojados, ou um tecido que não é comumente usado em camisolas e afins.

Um detalhe importante é que deve-se sempre aliar conforto com elegância nesse caso. Por ser uma roupa que passa uma imagem de conforto e certa despreocupação com a vaidade, é interessante colocar alguns elementos que vão garantir o sucesso do look. Salto alto, bolsas com bom acabamento, brincos, pulseiras, colares e uma maquiagem bem feita são alguns dos exemplos.

 







  15/06
 

lalatrussardirudgeLala Rudge já apareceu aqui no blog com seu estilo impecável. A loira, que mais parece uma Barbie, tem mais de 1 milhão de seguidores no instagram, onde posta looks incríveis e outras fotos tão belas quanto. Vale seguir, caso você ainda não tenha feito isso.

 

beautifuldestinationsBeautiful Destinations é para os amantes de viagens. Com mais de 3,5 milhões de seguidores, esse é um daqueles igs que fazem bem só de olhar. Lugares de tirar o fôlego, muito bem fotografados! Follow right now! (**em inglês**)

 

hudabeautyEssa mulher é f***! Huda Kattan, dona do Huda Beauty, é uma das 10 blogueiras de beleza mais influentes do mundo! São quase 5 milhões de seguidores no Instagram. Maquiagens incríveis, com inspirações para todos os tons de pele! Sensacional! (**em inglês**)