11/03
 

De acordo com o dicionário, autoconhecimento é “conhecimento de si próprio, das suas características, qualidades, imperfeições, sentimentos etc; que caracterizam o indivíduo por si próprio”. Parece simples, mas sabermos realmente quem somos e o que gostamos não é tão fácil. E tal tarefa não se torna mais simples quanto o assunto é estilo. Sem dúvidas, o erro fashion mais comum é não saber que imagem está passando. Com frequência homens e mulheres vestem roupas que não tem ligação nenhuma com suas personalidades e fica nítido o impasse.

qual seu estilo

Não usar aquilo que não gosta é a regra de ouro. Você não pode vestir uma peça somente porque “estão usando ela agora”. E tenha em mente que, o que cai bem em outra pessoa, não necessariamente cairá bem em você.

Saber o que nos favorece não é da noite para o dia. Porém, engana-se quem pensa que é muito complicado. Separei cinco passos para você saber qual estilo combina mais com você. Antes disso, quero deixar claro dois pontos:

  • Estilo varia durante as fases da vida.
  • Podemos ter mais de um estilo. Desde que um prevaleça evidentemente, podemos usar elementos de outros.

estilo

01) Procure inspirações: Não é por acaso que temos quinzenalmente o Who to Follow aqui no blog. É justamente para ajudá-las a pesquisar. Separe umas três pessoas que considere bem vestida e procure o maior número de imagens relativas a ela possível. Talvez você goste do estilo clean da Jennifer Aniston, mas também ama o jeito cool da Helena Bordon. Após essa busca, provavelmente ficará mais claro para você o que você gosta ou não.

02) Considere seu estilo de vida e objetivos pessoais: Por exemplo, você pode ser fã do estilo glam da Jennifer Lopez, mas sua rotina é super corrida e decote e salto alto para as tarefas diárias são inviáveis. Ou então seu trabalho e pede discrição e você não pode usar muito brilho no escritório. Sempre consideres sua rotina para montar suas produções.

03) Hora de testar: Após levar em conta os dois itens acima, monte alguns looks e fotografe. Depois, olhe para as fotos e veja o funcionou melhor. É bem comum termos uma imagem distorcida de nós mesmos, então peça ajuda. Escolha aquela amiga que considera bem vestida ou aquela prima que entende do mundo fashion e pergunta suas opiniões – sinceras!

04) Faxine seu closet: Hora de renovar. Quem não tem aquela peça de roupa que não sua há mais de um ano levante a mão. É muito frequente guardarmos peças que não usamos mais e não temos a intenção de usar. Tire elas do armário, juntamente com aquelas que não combina com o estilo que você agora sabe que tem. Há milhares de pessoas que seriam muito felizes com suas doações! Não espere as roupas ficarem num estado deteriorado para dar à alguém. A regra também vale para bolsas e calçados.

05) Compras inteligentes: Depois da faxina do guarda-roupas, talvez você entre em crise e queira comprar algumas peças novas. Tome muito cuidado para não se empolgar e, mais uma vez, comprar roupas que não harmonizam com você. Leve uma daquelas amigas que pediu opinião sobre as fotos e compre produtos que possam ser usados de duas ou mais maneiras. Isso faz com que possamos repetir sem neuras de parecer que só vestimos aquele mesmo look sempre.







Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *