21/07
 

Menos é mais, menos é mais, menos é mais. Entendeu? Toda regra tem uma exceção, é claro. Mas, na dúvida, menos é sempre mais. Hoje, vou dar alguma dicas de como comprar bem, sem gastar muito. E nesse caso, vale a nossa regra de ouro. Vou explicar.

dicas de como comprar bem - VLIFESTYLE

A grande dica é: vale mais a pena comprar uma peça de maior qualidade, do que duas de qualidade inferior. A lógica é simples: logo as duas peças nem tão boas se vão, ao contrário da outra. Além do mais, peças com um padrão melhor têm um caimento melhor no corpo, deixando você mais elegante e valorizando a sua beleza. Já disse isso aqui e aqui, sobre investir em certas peças.

Além da qualidade, devemos cuidar para não cair na tentação das tendências. Muitas vezes surge algo que fica bonito em alguém, está em todas as lojas, compramos e nunca usamos. Primeiro: nem tudo que fica bonito alguém, necessariamente ficará bem em você também. Segundo: tendências vem e vão. Prefira investir seu dinheiro em peças atemporais, que não sairão de moda e te deixarão chique em qualquer momento.

A terceira sugestão é sobre tamanho. É bem mais comum do que se imagina comprar algo sem experimentar, se arrepender, não trocar e deixar a peça parada num canto. Ou ainda, comprar sem provar durante uma liquidação, que não há possibilidade alguma de troca. Eu sei que nossos cotidianos são corridos e requer tempo ficar naquele provador apertado trocando de roupa, mas isso é preciso. O tamanho certo é indicado pelo seu corpo, não pela numeração. Além da modelagem variar de marca para marca, as vezes aquele tecido ou modelo fica melhor em você num número maior do que o habitual, por exemplo.

Também é importante que a peça combine com, no mínimo, dois looks diferentes. Não há como comprar bem sem pensar na versatilidade. Pense em várias maneiras de usar aquela peça, e que de preferência ela não seja o ponto central em todos, pois assim não fica com cara de look repetido.

E por fim, pesquise. Há muita diferença de preços entre as lojas e nem sempre tudo que é caro é bom, e o que é barato é ruim. Fique atenta e não tenha preguiça de garimpar.







Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *