dia a dia

  16/03
 

Eu não sei vocês, mas eu não consigo ficar com as unhas por fazer. Pode ser frescura, mas o fato é que eu não me reconheço se não estiver com alguma cor na ponta dos dedos. O problema é que manicure toda semana sai caro e muitas de vocês também têm dificuldade em fazer isso em casa. Vou confessar que até pouco tempo eu não conseguia sequer lixar a unha. Quando ela quebrava, eu esperava até o fim da semana, com ela enroscando em tudo, para manicure fazer isso. Depois de muitas tentativas, aprendi! Então eu trago algumas dicas para vocês também conseguirem fazer as unhas em casa.

Uma observação importante! Eu considero – e sei que muitas mulheres também pensam assim – fazer as próprias unhas uma terapia. É um momento que fica só eu, minha coleção de esmalte e as benditas unhas. Faço isso ouvindo música ou ainda espiando algum seriado. Relax total!

COMO FAZER AS UNHAS EM CASA - VLIFESTYLE

01. O COMECINHO: Antes de por a mão na massa, você deve ter bem claro em mente que se você não é manicure, seu processo não tem que ser o mesmo de uma. Acredito que eu demorei mais pra aprender a fazer porque tentava copiar o trabalho da profissional. Nada disso! Existem alguns truques que levam mais tempo, mas pode ajudar.

02. MATERIAL EM MÃOS: Pode parecer desnecessário, mas algumas armas são importantes para a batalha. Vou fazer uma lista das coisas que eu uso, mas você também pode ir fazendo seus testes e descobrindo o que precisa ou não.

  • oléo secante
  • base
  • esmalte escolhido
  • extra-brilho
  • creme amolecedor de cutículas
  • alicate de cutículas
  • algodão
  • palitos de unhas
  • lixa
  • bloco polidor
  • guardanapo de papel
  • toalha
  • água morna
  • removedor de esmaltes ou acetona

03. LIMPEZA: Um problema que eu tinha era que minha unha descamava muito. Eu descobri que, entre outros fatores, ela ficava muito ressecada e a principal causa era a acetona. A dica é retirar o esmalte velho passando um pouco de óleo secante antes, e depois vir com o algodão com acetona. Se preferir, é ainda melhor para a unha retirar com removedor de esmaltes sem acetona na fórmula. Depois, sempre lavo bem a mão, já dando uma empurradinha nas cutículas.

04. LIXANDO: Muita calma nessa hora. É importante ter uma lixa em boas condições e usar o lado mais delicado dela, caso não queira perder comprimento. Vá lixando aos poucos no formato de sua preferência e testando num tecido se ela está pegando ou não. Para deixar a unha uniforme, passe o bloco polidor, com cuidado. Se você exagerar, pode deixar a unha fraca demais.

05. CUTÍCULAS: Com as unhas lixadas, não economize no creme amolecedor. Passe o produto em toda cutícula, cobrindo bem a pele. Depois cubra com algodão e umedeça com a água morna. Mas vamos fazer isso uma mão por vez! Colocou algodão no último dedo daquela mão, espera uns 8 minutos, e vá tirando um dedo por vez, deixando o hidratante agindo nas demais. Empurre bem a cutícula, para ela ficar evidente no cantinho e muito cuidado com o alicate! Pegue ele bem firme e vá sem pressa alguma. Tire aos poucos e não queira cavar muita nas primeiras vezes. É melhor ir devagar para pegar confiança, sem se machucar. (óbvio que de vez quando vai rolar aquele bifezinho básico, mas não se intimide)

como fazer as unhas em casa - cutícula - VLIFESTYLE

06. MELHOR PARTE! Não sei para você, mas esmaltar é minha parte favorita. Com as unhas lixadas e limpas, passe uma camada da base se sua preferência e espere secar alguns minutinhos. Depois disso, duas camadas do esmalte escolhido. Entre as camadas, espere novamente alguns minutinhos. Eu sei que as profissionais limpam o excesso com o palitinho só depois da última camada. Minha dica é tirar na primeira também! Vai facilitar – e muito – na hora da limpeza. Passe o palito e limpe no guardanapo de papel que você separou no começo.

07. EXTRA-BRILHO E ÓLEO: Esses dois produtos são muito importantes! Passe o top coat (ou extra-brilho) e também retire a sobra dele com o palitinho. Depois disso, óleo secante sem economizar. Há quem prefira o spray, mas eu amo óleo. Tanto faz!

08. RETIRANDO OS EXCESSOS: Você deve ter reparado que falei para passar o óleo antes da limpeza, mas as manicures fazem ao contrário. Como eu disse, devemos procurar a maneira que funciona melhor para nós. A função do óleo é secar o esmalte, portanto ele sai melhor da pele nos borrões. Enrole um pouco de algodão na ponta do palito, molhe na acetona e limpe sem pressa. Você provavelmente vai usar mais algodão que a profissional também, mas lembre-se de não querer imitar e não ter pressa para nada.







  11/03
 

O verão foi lindo, foi ótimo. Porém trago uma boa notícia para as apaixonadas pelo frio: apenas 9 dias nos separam no início do outono. Com isso, aquela dúvida que assombra os dias de mudança de estação: que roupa vestir? Começo da manhã é frio, durante a tarde esquenta e depois esfria de novo. Não dá mais para usar as roupas de primavera/verão, mas ainda não usamos casacão. Veja agora algumas dicas de looks de meia estação. Dividi em duas partes esse post: hoje somente produções com os braços cobertos e as pernas de fora e o próximo com as pernocas escondidas e os braços ao ar livre.

DICAS DE LOOKS MEIA ESTAÇÃO - VLIFESTYLE

Como sempre, a primeira pergunta que você deve fazer é para qual lugar está indo. Sabendo o quanto a ocasião pede formalidade – ou não – podemos montar o look que quiser, deixando as pernocas de fora e mantendo os braços quentinhos. Para o ambiente de trabalho, camisa e saia são velhos conhecidos. Então vamos repaginar esse visual! Camisas não precisam ser caretas, você pode usar cores vivas ou estampas, dependendo do seu estilo. Outra opção é usar um maxi colar para quebrar a rigidez da peça. Quanto as saias, apostem na mídi e na lápis. A quarta imagem mostra a linda Martha Graeff em um look nada tedioso, mas de camisa e saia lápis. Para fechar o visual, sandália, sapatilha, scarpin ou ankle boot são boas opções.

Para as mais descoladas, a grande dica é o moletom. Há alguns invernos ele desponta como peça-desejo das fashionistas. Nada daquela cara colegial, o bom e velho moletom ganhou estamparias e bordados, permitindo o uso em várias ocasiões – e não somente no domingo chuvoso em casa. Moletom com saia e tênis ou com short e bota over the knee são excelentes ideias de looks para usar naqueles dias nem quente, nem frio.

Pode parecer uma dica óbvia, mas poucas mulheres apostam em vestidos com manga longa. Eu não sei exatamente porque, mas vejo que há um rejeição com a peça. Eu sempre usei e amo! Tenho em vários tecidos e modelagens e acho a melhor opção para ficar quentinha e bem vestida no outono/inverno. Soltinho ou tubinho, neutro ou colorido. Um vestido com mangas longas usado com um blazer e scarpin, por exemplo, é ótimo para trabalhar. Para o lazer, troque o blazer por uma jaqueta jeans ou couro e o scarpin por uma bota ou sapatilha.

Por fim, é o momento de usar e abusar do top cropped com mangas longas. Esse modelo mais curtinho de blusa conquistou o coração das brasileiras e pode ser usado tranquilamente no inverno também. Acima tem a inspiração com a Camila Coutinho usando a peça com saia mídi, mas você pode usar outros modelos de saias também. Se for balada, sandália ou bota over the knee fecham o visual sexy.







  10/03
 

Café, cafezinho, cafezão. Não importa se você apelidou ou não a bebida, o fato dela ser praticamente indispensável para começar bem o dia faz dela uma queridinha e tanto. Em excesso pode trazer alguns malefícios, mas pesquisas comprovam que até 4 xícaras do pretinho fazem dele um aliado. Conheça cinco benefícios do café para a saúde.

benefícios do café para a saúde - VLIFESTYLE

01. PREVINE CÂNCER: Sim, o café possui propriedades anti-cancerígenas. Os tipos de câncer que a bebida pode previnir são de fígado, mama e intestino.

02. AJUDA OS DIABÉTICOS: A bebida dispõe de ácido clorogénico e a trigonelina alcalóide que auxiliam na redução de glicose e insulina no organismo, o que é ótimo para quem apresenta diabetes tipo 2.

03. EVITA PERDA DE MEMÓRIA: A cafeína ajuda a bloquear os efeitos da adenosina. O bloqueio dos efeitos inibidores desse neurotransmissor ajuda a aumentar a eficiência do neuronal no cérebro e que libertam neurotransmissores como a dopamina e norepinefrina.

04. MELHORA ATENÇÃO: Essa não é novidade. A cafeína é estimulante e deixa nosso corpo mais “acordado”. Cuidado para a ingestão durante a noite, pois pode causar insônia.

05. REDUZ RISCOS DE MAL DE PARKINSON: Segundo pesquisas, ingerir até cinco xícaras de café reduz as chances de ter Parkinson no futuro. Além disso, uma estudo canadense comprovou que a cafeína diminui tremores e dificuldades motoras de quem já foi diagnosticado com a doença.







  03/03
 

A mulher que nunca teve uma grande paixão por alguma bolsa que atire a primeira pedra. Além de ser um acessório importantíssimo para um bom look, esse item é extremamente prático para todas nós. Ali cabe, muitas vezes, quase a nossa casa inteira – e por que não escritório também? Mas será que você sabe quais são os principais modelos e qual combina mais com você? Dê uma olhadinha nas imagens abaixo e descubra qual seu tipo de bolsa favorita.

TIPO DE BOLSA - VLIFESTYLE

01. TOTE: Também chamada de shopper bag, é grande e com alças curtas. Perfeita para quem costuma carregar várias coisas consigo. Muito usada por estudantes, justamente pelo tamanho.

TIPO DE BOLSA - TOTE - VLIFESTYLE

02. HOBO: Assim como a anterior, é uma bolsa de tamanho grande. É obrigatoriamente mole, nada parecida com as bolsas estruturadas. Possui uma única alça, normalmente continuação da bolsa, para ser usada nos ombros.

TIPO DE BOLSA - HOBO - VLIFESTYLE

03. CARTEIRO: Também chamada de Messenger. É a mais informal entre os modelos parecidos. Possui uma espécie de tampa, uma alça curta e outra longa, podendo ser carregada no ombro ou antebraço.

TIPO DE BOLSA - CARTEIRO - VLIFESTYLE

04. DOCTOR: Também chamada de baú, devido ao formato. Possui necessariamente duas alças bem curtas, porém às vezes é possível encontrá-la com uma terceira – essa bem longa, para usar no ombro.

TIPO DE BOLSA - DOCTOR - VLIFESTYLE

05. SACO: Também chamada de bucket. Super prática, ela já foi tema de um post aqui. Pode ser usada no ombro, mas é mais comum com alça comprida. O nome é pela formato igual a de um saco. Não é muito grande, mas cabe vários itens e está em alta novamente entre as fashionistas desde 2014.

TIPO DE BOLSA - SACO - VLIFESTYLE

06. CROSSBODY: Super prática por deixar as mãos livres, a bolsa também é chamada de transversal. Possui uma única alça longa, para usar a peça na transversal do corpo. É muito usada em eventos noturnos pela praticidade e por deixar o look lindo.

TIPO DE BOLSA - CROSSBODY - VLIFESTYLE

07: SATCHEL: Parecida com a Carteiro, essa bolsa é mais formal e chique. Se difere por ter duas alças para carregá-la no antebraço ou ombro, e em alguns casos possui uma terceira alça – essa sendo longa. Possui normalmente tamanho médio.

TIPO DE BOLSA - SATCHEL - VLIFESTYLE

08. CLUTCH: A clássica bolsa pequena de mão, sem alças. É a bolsa dela para festas e eventos mais formais. Pode ser encontrada em vários formatos, materiais e tamanhos.

TIPO DE BOLSA - CLUTCH - VLIFESTYLE

09. ENVELOPE: É um tipo de clutch. Resolvi colocar em uma categoria separada pera explicar que esse modelo é obrigatoriamente fino e possui com fechamento semelhante a um envelope – por isso o nome. As bolsas com esse formato com alça também são chamadas de envelope – desde que sejam retangulares, com mesmo modelo de tampa e finas.

TIPO DE BOLSA - ENVELOPE - VLIFESTYLE

10. BAGUETTE: Eternizada por Carrie Bradshaw, personagem de Sarah Jessica Parker no saudoso seriado Sex and the City. O primeiro modelo da bolsa foi lançado pela Fendi no final dos anos 90 e foi relançado ano passado pela mesma marca. Trata-se de uma bolsa de ombro – apesar da alça curta -, retangular e pequena. Leva o nome por lembrar o tipo de pão, baguette.

TIPO DE BOLSA - BAGUETTE - VLIFESTYLE







  02/03
 

Você sabia que as primeiras coisas que você faz logo após despertar podem definir o seu dia? Por isso selecionamos quatro dicas de coisas que você deve fazer ao acordar. Todas são atitudes simples e fáceis, mas que podem deixar sua rotina mais leve e produtiva.

COISAS PARA FAZER AO ACORDAR - VLIFESTYLE

01. IGNORE O CELULAR: Eu sei que parece difícil acordar e não checar mensagens e redes sociais, afinal você passou horas sem se atualizar. Porém, não comece seu dia recebendo uma enxurrada de informações. Além disso, seu olhos ficaram horas no escuro. Mexer no celular com toda aquela claridade não é nada agradável.

02. AGRADEÇA E MENTALIZE SEU DIA: Ainda quietinha na cama quente, respire bem fundo e agradeça todas as coisas boas de sua vida. Acha que não tem muito o que agradecer? Comece pelo fato de você estar deitadinho confortavelmente, num lar fechado, com todas as comodidades que o mundo te proporciona. Agradeça sua família e amigos, estudos, emprego e principalmente sua saúde. Depois disso faça uma lista de todos seus compromissos do dia e pense como eles serão bem resolvidos.

03. ALONGUE: Levante-se aos poucos e alongue-se bem. Estique os braços, pernas, costas e mexe bem o pescoço. Sempre respirando fundo e soltando. Pode parecer bobo, mas alongar traz inúmeros benefícios para saúde e pode deixar seu dia mais leve.

04. BEBA ÁGUA: Hidrate-se sempre! Antes de tomar café da manhã, tome um belo copo d’agua. Além de deixar a pele mais bonita, isso fará com que seu intestino funcione melhor e prepara seu estômago para receber uma refeição pós horas de descanso.